#003

13:53

(por Isabela)

Talvez a Summer sempre foi clara em relação aos seus sentimentos e quem fez confusão foi o Tom, se entregando rápido demais. Talvez Rony nunca tivesse reparado realmente como Hermione importava para ele se não fosse a poção do amor de Lilá Brown. Talvez Kat e Patrick nunca teriam se apaixonado de verdade se ele não tivesse sido pago para conquistá-la. 

No começo a gente era tão 10 Things I Hate About You, que ao invés de dez, eu poderia listar trezentas coisas que me incomodavam em você. E você poderia passar dez anos tentando me fazer falar que você era bonito. Parecia como uma aposta mesmo. Era seu dever tentar me conquistar e o meu apontar os seus defeitos. Até que em um dia de chuva enquanto eu corria e tentava fugir de você, eu apontei meu dedo bem no meio dessa sua cara de bobo para soltar mais uma e você segurou minha mão, me puxando para perto de você e olhando tão fundo nos meus olhos que ali naquele momento eu achei a primeira coisa que eu gostava em você: sua intensidade. A segunda coisa eu descobri logo depois. O seu beijo.

Mas pra gente se apaixonar foi uma viagem tão longa que era quase como ir daqui até Hogwarts. E pra gente se entregar mesmo precisou você sair com outras garotas e eu tentar me aventurar com aquele seu amigo do interior. A gente nunca se viu como um casal, na verdade. Era um pouco difícil pra gente aceitar isso, quando nossa amizade significava tanto para nós. Eu tinha pavor de pensar que um dia, quando eu tivesse os meus sessenta e tantos anos, eu acordaria pela manhã e a primeira coisa que eu fosse olhar seria a sua cara toda enrugada. Mas ao mesmo tempo isso me confortava, porque era uma pequena promessa silenciosa de que eu não estaria sozinha.

Só que o tempo passa, e eu não sei se foi o fato de eu ser desligada ou se foi você que era carente demais. Não sei se eu me preocupei demais com você ou você que precisava de mais liberdade. Talvez tenha sido nossa amizade. Ou até mesmo todas aquelas outras coisas que eu detestava em você. Pode ser também que você alegue que foram os 500 Dias Com Ela. Da mesma forma que você me puxou para um beijo, eu me afastei de você. Do mesmo jeito que eu te chamei de amor várias vezes, você disse em outras várias que não sabia mais o que sentia por mim. 

Talvez tenha sido os vários filmes de romance que vimos juntos. Talvez foi o meu ator favorito que não fez aquele filme do seu diretor preferido. Talvez fomos nós, que nos comparamos diversas vezes com a ficção. Talvez, nós não fomos verdadeiros. Talvez isso não era uma história de amor.

"But mostly I hate the way I don’t hate you. Not even close, not even a little bit, not even at all.”



You Might Also Like

0 comentários

Posts Populares

COLETIVE-SE